ANPM

AUTORIDADE NACIONAL DO PETRÓLEO E MINERAIS TIMOR-LESTE

Ser uma autoridade reguladora líder na região, nos setores do petróleo e dos minerais e um modelo para o desenvolvimento institucional em Timor-Leste

ANPM

Anúncio de Vagas

A Autoridade Nacional do Petróleo e Minerais (ANPM) é a instituição pública de Timor-Leste, criada ao abrigo do Decreto-Lei N.º 1/2016, de 9 de fevereiro, que consiste na 1ª alteração ao Decreto-Lei N.º 20/2008, de 19 de junho, sobre a Autoridade Nacional do Petróleo, responsável pela gestão e regulação das atividades petrolíferas e mineiras nas áreas de Timor-Leste, tanto offshore como onshore e na Área Conjunta de Desenvolvimento Petrolífero (ACDP), de acordo com o Decreto-Lei sobre o estabelecimento da ANPM, a Lei das Atividades Petrolíferas de Timor-Leste, o Tratado do Mar de Timor e o Código Mineiro. Atualmente, a ANPM está a recrutar 6 (seis) timorenses qualificados para as posições de:

  1. Diretor Mineral, 1 posição

Tarefas:

  • Assegurar o desenvolvimento e a implementação do plano estratégico da Direção, estabelecendo objetivos e ações a incorporar no plano da ANPM;
  • Garantir o desenvolvimento de regulamentos e linhas de orientação associados para uma implementação efetiva e eficaz do Código Mineiro;
  • Assegurar uma coordenação efetiva com as entidades governamentais relevantes, com a indústria e com o público de modo a otimizar processos e a facilitar a administração do setor mineral em Timor-Leste.

Habilitações Académicas:

  • Mestrado com qualificação técnica na área de Geologia, Geociências ou no setor de Minas (Nota: Os candidatos de outras áreas disciplinares poderão ser igualmente considerados, desde que detenham mais de 5 anos de experiência profissional em Geologia, Geociências ou no setor de Minas).

Critérios Essenciais: 

  • Mínimo de 3 anos de experiência profissional em gestão e na área de pesquisa e exploração de recursos minerais;
  • Nacionalidade timorense;
  • Alto nível de competências comunicativas em Inglês – compreensão e produção orais e compreensão e produção escritas;
  • Alto nível de iniciativa pessoal, sensibilidade e adaptabilidade;
  • Alto nível de auto-motivação, capacidade de estabelecer prioridades de trabalho e de cumprir datas-limite;
  • Forte capacidade de trabalho em equipa, bem como de forma independente;
  • Bons conhecimentos do Microsoft Windows XP, Microsoft Office, software Lotus Notes e software GIS.

 

  1. Gerente – Informação, Comunicação e Tecnologia, 1 posição

Tarefas:

  • Desenvolver, atualizar e implementar as diretrizes e os procedimentos ISMS, incluindo outra documentação comercial requerida, de acordo com os requisitos ISO 27001;
  • Desenvolver e implementar os procedimentos operacionais de TI, de modo a gerir e administrar os serviços infraestruturais e comerciais de TI;
  • Desenvolver e implementar o plano de serviços de TI contratados externamente e assegurar que os fornecedores cumprem os padrões e as necessidades organizacionais, incluindo uma adequada avaliação de risco.

Habilitações Académicas:

  • Grau universitário em Informação, Comunicaç~ao e Tecnologia.

Critérios Essenciais: 

  • Mínimo de 5 anos de experiência profissional em ICT, incluindo em gestão de redes, e 2 anos ao nível de gerência;
  • Experiência com Windows, Linux, Cisco ou sistema similar;
  • Experiência com comunicações de satélite;
  • Experiência com sistemas PABX;
  • Experiência com o sistema VoIP;
  • Experiência com a segurança das TI no escritório;
  • Fluência em Inglês (compreensão e produção orais e compreensão e produção escritas);
  • Nacionalidade timorense;
  • Capacidade para coordenar múltiplas tarefas e lidar com exigências diversas de uma forma eficiente;
  • Alto nível de auto-motivação, capacidade de estabelecer prioridades de trabalho e de estabelecer objetivos;
  • Demonstração de compromisso com o trabalho de equipa;
  • Boa compreensão das sensibilidades de um ambiente de trabalho multi-cultural.

 

  1. Gerente – Garantia Fiscal e Financeira, 1 posição

Tarefas:

  • Estabelecer e manter uma lista de verificação apropriada e rever procedimentos e processos para lucros e despesas, pedidos e cálculos de crescimento dos operadores dos CPP das áreas offshore de Timor-Leste e da ACDP;
  • Estabelecer e manter avaliações mensais, trimestrais e anuais dos orçamentos e custos reais dos operadores, incluindo autorizações de despesas, bem como as suas listas de verificação e procedimentos, de modo a garantir a adesão dos operadores aos requisitos regulatórios;
  • Estabelecer e manter planos de auditoria, procedimentos e programas apropriados e conduzir a equipa de auditoria a realizar auditorias aos lucros e contas dos operadores dos CPP das áreas offshore de Timor-Leste e da ACDP.

Habilitações Académicas:

  • Grau universitário em Contabilidade.

Critérios Essenciais: 

  • Mínimo de 5 anos de experiência profissional numa posição de Contabilista, preferencialmente num ambiente de auditoria;
  • Experiência de:

1. Compreensão do enquadramento da contabilidade na indústria do petróleo e gás.

2. Padrões Internacionais dos Relatórios Financeiros e Contabilísticos.

3. Transações e relatórios em múltiplas divisas.

4. Sistemas de contabilidade com base informática.

5. Supervisão e formação da equipa.

6. 2 anos ao nível da gerência.

  • Capacidade para comunicar ao mais alto nível com os profissionais da indústria;
  • Capacidade para comunicar fluentemente em Inglês (compreensão e produção orais e compreensão e produção escritas);
  • Experiência profissional com pessoas de diferentes culturas e uma boa perceção das sensibilidades culturais;
  • Alto nível de auto-motivação e capacidade de estabelecer prioridades de trabalho, de estabelecer objetivos e de trabalhar sem supervisão por períodos extensos;
  • Proficiência no uso do Microsoft Office e do Lotus Notes.

 

  1. Oficial em Engenharia Geotécnica, 1 posição

Tarefas:

  • Avaliar os planos e os projetos relacionados com a geotecnia preparados pelas empresas mineiras e pelas pedreiras, com base nos padrões aplicáveis e as boas práticas da indústria;
  • Preparar e comunicar os resultados das avaliações geotécnicas às empresas mineiras e às pedreiras (para detalhes adicionais, queira referir-se à DP).

Habilitações Académicas:

  • Grau universitário com qualificação técnica em Engenharia Geotécnica e Engenharia Geológica.

Critérios Essenciais: 

  • Mínimo de 1 ano de experiência profissional na área geotécnica;
  • Nacionalidade timorense e detenção de identificação timorense apropriada e válida;
  • Capacidade de demonstrar uma boa compreensão do desenvolvimento de uma mina e de uma pedreira;
  • Capacidades de comunicação suficientes em Inglês – compreensão e produção orais e compreensão e produção escritas;
  • Alto nível de iniciativa pessoal, sensibilidade e adaptabilidade;
  • Alto nível de auto-motivação, capacidade de estabelecer prioridades de trabalho e de cumprir datas-limite;
  • Forte capacidade de trabalho em equipa, bem como de forma independente;
  • Bons conhecimentos do Windows XP, Microsoft Office e software Lotus Notes.

 

  1. Oficial de Saúde e Segurança, 1 posição

Tarefas:

  • Monitorizar o desempenho na área da SSA das empresas envolvidas nas operações de petróleo e gás e nas atividades relacionadas na ACDP e nas potenciais áreas onshore & offshore de Timor-Leste e, quando necessário, reforçar as leis relevantes;
  • Analisar e avaliar Casos de Segurança, preencher documentos e ainda analisar outros documentos relacionados com SSA;
  • Realizar inspeções de SSA nas operações offshore & onshore e investigar incidentes, o que implica viagens frequentes.

Habilitações Académicas:

  • Grau universitário em Saúde & Segurança ou em engenharia da segurança, engenharia industrial, engenharia química ou engenharia mecânica.

Critérios Essenciais: 

  • Mínimo de 2 anos de experiência profissional no setor da Saúde, Segurança e Ambiente;
  • Nacionalidade timorense;
  • Indivíduo altamente motivado e com um interesse acentuado em SSA e na indústria do petróleo e do gás;
  • Estar medicamente apto, ser capaz de completar o Curso de Sobrevivência Básica Offshore, incluindo a Formação Underwater Escape (HUET) e trabalhar offshore e no campo;
  • Deter uma pontuação acima de 6.00 no International English Language System ou qualificação equivalente;
  • Alto nível de capacidades comunicativas, incluindo escritas e orais;
  • Proficiência no uso de: Microsoft Windows XP, Microsoft Office e software Lotus Notes.

 

  1. Assistente de Geofísica de Pesquisa Mineral, 1 posição

Tarefas:

  • Apoiar e assistir diretamente o Gerente de Pesquisa e Exploração a identificar, avaliar, quantificar e qualificar os depósitos minerais;
  • Compilar, interpretar e interar os dados geofísicos e geológicos para a geração de prospetos e a potencial avaliação de blocos minerais.

Habilitações Académicas:

  • Grau universitário com qualificação técnica em Geofísica.

Critérios Essenciais: 

  • Recém-graduado com experiência mínima nas áreas de Pesquisa e Exploração Mineral;
  • Nacionalidade timorense e detenção de identificação timorense apropriada e válida;
  • Experiência e conhecimento no trabalho com ferramentas de Geofísica;
  • Capacidades de comunicação suficientes em Inglês – compreensão e produção orais e compreensão e produção escritas;
  • Alto nível de iniciativa pessoal, sensibilidade e adaptabilidade;
  • Alto nível de auto-motivação, capacidade de estabelecer prioridades de trabalho e de cumprir datas-limite;
  • Forte capacidade de trabalho em equipa, bem como de forma independente;
  • Bons conhecimentos do Windows XP, Microsoft Office e software Lotus Notes.

 

A sua candidatura em Inglês deve incluir:

  1. Uma carta de apresentação que explique os requisitos-chave dos critérios essenciais e das habilitações académicas com o máximo de duas páginas.
  2. Um CV com a descrição dos detalhes das suas habilitações académicas e da sua experiência profissional, em que se listem três referências e os seus detalhes de contacto pessoais.
  3. Cópia do Certificado Universitário (grau e transcrição) e de um Documento de Identificação de Timor-Leste (Cartão Eleitoral, BI ou Passaporte).

 

A sua candidatura não será considerada, caso a sua carta de apresentação não mencione os requisitos-chave e não indique as suas habilitações e ainda caso estejam incompletos os documentos em anexo.

Os candidatos qualificados deverão submeter as suas candidaturas para as posições supramencionadas até ao dia 31 de julho de 2019, às 17:00h, em formato eletrónico, para hr@anpm.tl ou em formato de papel entregue em mão no escritório da ANPM, nos Pisos 6 e 7 da Torre do Ministério das Finanças, em Ai-Tarak Laran, Díli.

Para os critérios essenciais de cada posição, queira descarregar a descrição da posição (DP/TdR) clicando no titulo de posição.

A ANPM promove a Igualdade de Género nas Oportunidades de Emprego Equitativas em Timor-Leste. A ANPM também investe na capacitação e no desenvolvimento dos seus Recursos Humanos.

 

Díli, 4 de julho de 2019

(Departamento de Formação & Recursos Humanos)